Noticias • IBI realiza live sobre o caso Pegasus amanhã

IBI realiza live sobre o caso Pegasus amanhã

| Categoria: Noticias
Whatsapp

Na última semana, a revelação de que jornalistas, grupos de ativistas e políticos de oposição de 50 países podem ter tido seus smartphones invadidos por um programa de espionagem criado pela empresa israelense NSO, chamado Pegasus, disparou um alarme geral. O programa é uma ferramenta que pode ligar a câmera e o microfone do celular, bem como acessar dados do dispositivo, convertendo-o em um espião de bolso.

Segurança, avanços tecnológicos, democracia e relações internacionais - o caso do programa Pegasus mostra os lados obscuros dessa equação. Este é o tema da live "Espionagem via celular - o caso Pegasus e suas implicações dentro e fora de Israel", promovida pelo IBI, que estará no ar amanhã a partir das 17h.

Participarão do debate Jamil Chade, Mariana Valente e Michel Gherman, com mediação de Morris Kachani.

Jamil Chade é correspondente na Europa há duas décadas e tem seu escritório na sede da ONU em Genebra. Com passagens por mais de 70 países, o jornalista paulistano também faz parte de uma rede de especialistas no combate à corrupção da entidade Transparência Internacional, foi presidente da Associação da Imprensa Estrangeira na Suíça e contribui regularmente com veículos internacionais como BBC, CNN, CCTV, Al Jazeera, France24, La Sexta e outros. Vivendo na Suíça desde o ano 2000, Chade é autor de cinco livros, dois dos quais foram finalistas do Prêmio Jabuti. Entre os prêmios recebidos, o jornalista foi eleito duas vezes como o melhor correspondente brasileiro no exterior.

Mariana Valente é Diretora do InternetLab e professora do Insper, onde coordena a Certificação em Direito e Tecnologia. Advogada, mestre e doutora em direito pela USP, foi pesquisadora visitante na UC Berkeley e coordenadora do Creative Commons no Brasil. É também pesquisadora do Núcleo Direito e Democracia do Cebrap.

Michel é professor de História na Universidade Federal Fluminense, coordenador do Núcleo Interdisciplinar de Estudos Judaicos da UFRJ, pesquisador da Ben Gurion University e Diretor Acadêmico do Instituto Brasil-Israel.

Morris Kachani é jornalista e executivo, com passagens pela Folha de S. Paulo, Veja, Trip e TV Globo, entre outros. Atualmente coordena a área de comunicação do IBI e apresenta o canal Inconsciente Coletivo, hospedado na home do Estadão.

Acompanhe no canal do IBI no YouTube.

Inscreva-se