Imprensa • Nota Oficial: IBI condena homenagem prestada pelo Exército brasileiro a major nazista

Nota Oficial: IBI condena homenagem prestada pelo Exército brasileiro a major nazista


| Em Nota
Whatsapp

O Instituto Brasil-Israel condena a homenagem prestada pelo Exército brasileiro ao major alemão Otto Maximilian von Westernhagen, combatente na Segunda Guerra Mundial pelas forças nazistas de Adolf Hitler.

Lidar com o passado de forma tão pouco cuidadosa favorece perigosos fenômenos de negacionismo histórico. A homenagem, feita em nome do repúdio ao terrorismo, parece esquecer deliberadamente do caráter totalitário do regime nazista e suas consequências.

Mais ainda, o exército brasileiro, ao se referir ao major como um sobrevivente da Segunda Guerra Mundial, parece equiparar as vítimas dos campos aos soldados alemães. Como devemos chamar, pois, os sobreviventes dos campos da morte nazistas? Seriam os soldados alemãs tão vítimas quanto eles? Pelo texto, parece que sim.

Esperamos que o exército, que lutou ao lado dos Aliados durante a Segunda Guerra, com mais de 25 mil homens e mulheres, honre a história da Força Expedicionária Brasileira (FEB), abandonando agendas negacionistas e comprometendo-se com a memória e com os direitos humanos.

Inscreva-se